Tudo o que você precisa saber sobre Franquias

Você já deve ter se perguntado o que é Franquia? Como funciona? Qual o Investimento? O Grana Extra te ajuda a responder essas e muitas outras duvidas sobre Franquias, confira!!!

 

O que é Franquia?

Franquiafranchising ou franchise nada mais é que uma estratégia utilizada em administração que tem, como propósito, um sistema de venda de licença na qual o franqueador (o detentor da marca) cede, ao franqueado (o autorizado a explorar a marca), o direito de uso da sua marca, patente, infraestrutura, know-how e direito de distribuição exclusiva ou semi-exclusiva de produtos ou serviços.

O franqueado, por sua vez, investe e trabalha na franquia e paga parte do faturamento ao franqueador sob a forma de royalties. Eventualmente, o franqueador também cede ao franqueado o direito de uso de tecnologia de implantação e administração de negócio ou sistemas desenvolvidos ou detidos pelo franqueador, mediante remuneração direta ou indireta, sem ficar caracterizado vínculo empregatício.

 

Vantagens de uma Franquia

  • Possibilidade de abertura de negócio sem necessidade de experiência empresarial no setor;
  • Redução do risco envolvido, face a utilização de conceito de negócio já experimentado e com sucesso;
  • Benefício e aproveitamento de marca já com notoriedade no mercado;
  • Formação inicial e de forma contínua;
  • Existência de ferramentas de gestão, informação disponível sobre volume de vendas, número de clientes, percentagem de lucros obtida, percepção das preferências, hábitos de consumo, gestão do ciclo de rotação dos estoques e das necessidades de reposição;
  • Aproveitamento dos canais de distribuição e logística existentes, permitindo a adoção de preços competitivos e com ganhos de escala nas encomendas;
  • Os estudos de mercado elaborados são compartilhados na rede existente, permitindo investimentos em publicidade financeiramente sustentáveis;
  • Melhor acesso na compra, ou aluguel de espaço, em resultado da existência de marca reconhecida;
  • Apoio técnico, administrativo e de gestão, inclusive na seleção do espaço, de acordo com critérios de área, localização e acessibilidades;
  • Sinergias na resolução de problemas que em outras unidades da rede já tenham ocorrido;
  • Aproveitamento do recrutamento de recursos humanos, pois é mais acessível trabalhar em rede conhecido, do que em unidade do mesmo ramo mas com pouca notoriedade;

 

Benefícios para o Franqueador

  • O franqueado financia grande parte da expansão, não necessitando o franqueador de capital avultado;
  • Concentra-se na produção e desenvolvimento de novos produtos e serviços;
  • Os franqueados atingem resultados superiores aos obtidos por unidade própria, sendo parceiros altamente moralizados e motivados;
  • Existe a criação de um canal de distribuição fluido, eficiente e diferenciado;
  • A imagem da marca sai cada vez mais reforçada, pois é associada ao know-how, à força do trabalho e aos relacionamentos locais do franqueado;
  • Existe uma descentralização da estrutura, gerando benefícios em termos de custos fixos menores do que com unidades próprias;
  • Possibilita ganhos acrescidos em economias de escala;
  • O sistema possibilita expansão de mercado de forma rápida, pois a abertura de novos espaços é célere;
  • Viabiliza ações de promoção e de marketing de forma conjunta e coordenada.

 

Como escolher a franquia certa

Conhecer bem o seu perfil, habilidades e características é essencial para definir qual é o melhor estilo de negócio e segmento para atender aos seus objetivos.

Existem diversos tipos de oportunidades, em muitos seguimentos distintos, tenho certeza que uma delas se encaixará perfeitamente ao seu perfil, confira:

  • Acessórios Pessoais e Calçados;
  • Alimentação;
  • Bares, Restaurantes e Pizzarias;
  • Bebidas, Cafés, Doces e Salgados;
  • Beleza, Saúde e Produtos Naturais;
  • Comunicação, Informática e Eletrônicos;
  • Construção e Imobiliárias;
  • Cosméticos e Perfumaria;
  • Educação e Treinamento;
  • Escolas de Idiomas;
  • Fotografia, Gráficas e Sinalização;
  • Hotelaria e Turismo;
  • Limpeza e Conservação;
  • Livrarias e Papelarias;
  • Móveis, Decoração e Presentes;
  • Negócios, Serviços e Conveniência;
  • Serviços Automotivos;
  • Vestuário.

 

Agora que já conhecem um pouco sobre o assunto, é importante analisar uma série de fatores antes de se tomar qualquer decisão, confira nossas dicas:

 

– Investimentos

É preciso ter capital suficiente para iniciar e manter a operação até que ela se torne rentável.

 

– Pesquisa de franquias

Submeta cada franquia aos critérios de análise que você tiver adotado, como afinidade, reconhecimento da marca ou qualquer outro que considere essencial e então aprofunde a pesquisa com aquelas que tenham sido mais bem avaliadas.

 

– Analise a lucratividade, rentabilidade e tempo de retorno de cada uma delas

Se pensarmos exclusivamente no aspecto financeiro, a melhor franquia será aquela que exigir o menor percentual de recursos imediatos, com o prazo mais curto para o retorno do investimento e com os maiores índices de lucratividade e rentabilidade. Como dificilmente todos esses fatores serão encontrados numa mesma franquia, caberá ao candidato avaliar aquela que melhor atenda às suas expectativas.

 

– Avalie a experiência do franqueador e o suporte oferecido

Se o franqueador tiver um negócio testado em uma unidade-piloto onde serão reproduzidas as mesmas condições que serão oferecidas aos franqueados, por um período suficiente para que se comprove a sua viabilidade, os riscos para os franqueados poderão ser minimizados, uma vez que muitos erros já terão sido corrigidos, o mercado para os produtos/serviços avaliado e a posição da marca definida.

 

– Verifique a saúde financeira da franquia e o cumprimento às exigências legais

Todo franqueado precisa entregar um grande número de documentos que comprovem sua capacidade financeira para adquirir e gerir uma unidade franqueada. Mas também a franqueadora precisa garantir a seus franqueados a viabilidade de seu plano de negócios, com dados financeiros que comprovem sua capacidade de atender às necessidades de gestão de sua rede.

 

– Troca de experiências

Na Circular de Oferta de Franquia encontra-se a lista dos franqueados e de todos os ex-franqueados que tenham se desligado da rede nos últimos doze meses. Procurá-los e buscar informações sobre o suporte oferecido, a rentabilidade e lucratividade do negócio, se as expectativas iniciais foram cumpridas e, no caso dos ex-franqueados, conhecer a razão por não estarem mais na rede é dever de quem está buscando a franquia ideal.

 

– Procure a ajuda de especialistas

Durante a análise do modelo de negócio que está sendo franqueado, da leitura da Circular de Oferta de Franquias, da minuta do contrato e da análise dos dados financeiros, é recomendável que o candidato busque a orientação de profissionais que possam ajudá-lo neste período.

 

 

Gostou do Artigo?? Tem alguma dúvida ou sugestão?? Compartilhe ou deixe-nos sua mensagem!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *